Make your own free website on Tripod.com


voltar

Defender a sua integridade é preservar a sua dignidade

O primeiro e último adversário de um verdadeiro guerreiro é o seu próprio Ego

 

O que significa Soke

 

SOKE significa: „Mestre da casa" ou „Chefe da família".

Para entendermos melhor o que SOKE significa, temos que fazer uma pequena viagem ao passado.

A palavra Soke vem do nome do sexto patriarca Zen SOKEI ENO que ensinava as artes conforme as velhas tradições budistas: a arte de meditação e a arte de movimentação. Destas duas artes se desenvolveram o ZEN e o KEMPO.

Originalmente Kempo era a forma ativa e ZEZEN a forma passiva de meditação. Esta tradição prevaleceu os tempos de Bodhidharma até Sokei Eno. Sokei era o nome do templo de Sokei Eno. E o seu nome interpretado significa: „O vale dos mestres" ou „O encontro dos mestres", sendo que a palavra Soke representaria o titulo de mestres de artes marciais.

Sokei Eno foi o ultimo patriarca Zen. Depois dele o Zen se dividiu em cinco linhas seguindo os ensinamentos dos cincos alunos principais de Eno:

KATAKU, YOKA, NANYU, SEIGEN e NANGAKU.

Estes cinco mestres eram denominados de GO DAÍ SOSHO: os cinco grandes mestres das artes marciais. Com o tempo e com a sempre maior popularidade do Zen e sua divisão em mais escolas, algumas escolas acentuaram cada vez mais o lado marcial deixando de praticar o Zazen, e outras decidiram ir o caminho contrário.

Atualmente existem cinco escolas que são descendentes diretas de Sokei Eno: SOTO, UMMON, HOGEN que originaram dos ensinamentos de Seigen, e IGYO, RINZAI que originaram dos ensinamentos de Nangaku. Estas escolas são conhecidas com o GOKE: „as cinco casas". E os mestres destas cinco casas eram denominados de SOKE.

Por muitos séculos a China influenciou culturalmente o Japão. Existia um grande intercambio entre ambos os países e muitos mestres chineses imigraram para o Japão onde fundaram templos ou lecionaram em templos. Muitos guerreiros, depois de anos de lutas também se retiraram da vida mundana, virando monge ou morando e se refugiando em monastérios, acabando ensinando e treinado monges nas artes marciais.

Desta forma, muitos templos viraram famosos centros de treinamento de Kempo. E assim surgiu a denominação RYU (escola). Quando a palavra RYU realmente surgiu ninguém sabe. Uns acreditam no séc 12, já outros no séc 15. O que sabemos é que o titulo SOKE foi atribuído aos mestres dos Ryus. E o fundador era denominado de SOKE SHODAI.

Portanto, o titulo SOKE teve a sua origem nas influencias chinesas da dinastia Tang sobre o Japão e prevaleceu até os dias atuais. Antigamente a única razão legítima de criar um novo estilo era a inspiração divina (TENSHIN SHO) que se adquiria durante a meditação ou um sonho.

Durante a era TOKUGAWA um RYU (sistema, escola) também era fundado por mestres de idade avançada e que tinham muita experiência de lutas e guerras (que sobreviveram muitas guerras). As escolas fundadas eram denominadas de KORYU ou KOBUJUTSU: „velhos sistemas de luta".

Com o passar do tempo, também um aluno de um mestre reconhecido, com a autorização do mesmo e de um conselho podia fundar um novo estilo.

Depois dos anos 1600, as escolas começaram a ensinar somente um ou dois estilos (antes era comum um aluno aprender mais de 30 estilos diferentes). Foi nesta época que o kempo como forma de luta e defesa pessoa teve o seu maior desenvolvimento. Foi uma época onde muitos mestres falsos abriram escola. Foi também uma época de muitos confrontos entre mestres e muitos destes mestres falsos acabavam sendo severamente feridos ou até mortos.

Para impedir tais acontecimentos se criou um conselho de mestres (YUDANSHA) onde um professor poderia adquirir sua legitimação. O conselho também se encarregava de treinar alunos de mestres cujos mestres morressem antes de seus alunos tivessem o suficiente conhecimento para continuarem a tradição da escola.

Estes conselhos existem até os dias atuais.

Atualmente, as artes marciais se dividem em duas direções:

O SHIN BUDO: new martial ways (novos caminhos das artes marciais). Este caminho tem como objetivo a modalidade esportiva. Neste

caminho se enquadram modalidades que nem o judô, aikido, karate do, kendo e naginata. Suas graduações são regulamentadas conforme os estatutos de cada um dos sistemas. As provas são severamente regulamentadas e a graduação depende do tempo de treino e da idade do aluno(a).

O SHIN BUJUTSU: new martial arts (novas artes marciais). Neste caminho se enquadram as escolas que ensinam defesa pessoal, sendo que raramente seus alunos participam de campeonatos ou demonstrações. E sua graduação não é tão rigidamente regulamentada conforme a idade e o tempo de treino e sim mais conforme o conhecimento e a capacidade do aluno.

Os estilos Okinawan Goshinryu Kempo e Tamashii Ryu Kempo de Soke Daí Tamashii Ryu Heinz Köhnen se enquadram no caminho do SHIN BUJUTSU. Alguns alunos de Soke na Alemanha participam de campeonatos promovidos pela IOBF (International Okinawa Budo Federation).